domingo, 7 de Fevereiro de 2010

Infopédia: informações erradas

Santuário da Abadia - Amares
Na Infopédia, se consultarmos “As Tradições, Lendas e Curiosidades” de Terras de Bouro podemos ler que:
a feira semanal é à sexta-feira;
a 15 de Agosto realiza-se a Festa da Nossa Senhora da Abadia;
o feriado municipal tem lugar a 24 de Junho, no dia de S. João;
do artesanato local são característicos vários produtos como as colchas de linho, as mantas de burel, os bordados, a cestaria, as rendas, o calçado fabricado à mão, os artigos de cerâmica, as escadas e os bonecos de madeira.
Sendo, tal como é referido, “a feira semanal à sexta-feira”, pergunto como se denomina o encontro de feirantes que se realiza, à segunda-feira, de quinze em quinze dias?
Informar que a 15 de Agosto se realiza a Festa da Nossa Senhora da Abadia está completamente errado. Esta festa e o Santuário da Abadia pertencem ao concelho de Amares. As nossas Festas Concelhias realizam-se, na vila de Terras de Bouro, na primeira semana de Agosto
A institucionalização do Dia do Município fixou o feriado municipal em 20 de Outubro, para assinalar o dia em que Sua Alteza Real, D. Manuel I, concedeu a Carta de Foral à “Terra de Boyro”, como então era designada, em 20 de Outubro de 1514. Por isso, o nosso feriado municipal deixou de ser em 24 de Junho.
Será razoável permitir que milhares de pessoas consultem incorrecções e até disparates?!
É bem provável que no futuro algum intelectual estouvado seja bem capaz de escrever na “Infopédia” que nós temos os tapetes de Arraiolos, os bonecos das Caldas, as “honras mirandesas”, os meiotes de lã de ovelha da Estrela ou, quiçá, que o nosso Centro Cívico é Monumento Nacional.
De acordo com Goethe “nada se pode desenvolver com base no erro, porque o erro limita-se a envolver-nos no erro”.
Felizmente, hoje sempre que a ignorância escandaliza o entendimento, pode-se recorrer ao ciberespaço e desfazer os malentendidos e os absurdos.

Sem comentários: